LOGO

ESTUDOS

DEVOCIONAL

A Paz do Senhor

Por Administrador | 20/02/2017

“Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize”. (João 14.27)

A paz que o mundo precisa não se compra, nem se vende. Se doa. E só há uma maneira de existir essa doação; através de Jesus. Aquele que um dia se entregou para redimir de todos os nossos pecados. Não há exemplo maior de amor do que este. Jesus foi humilhado naquela cruz, e mesmo assim, ele nos amou e tem preparado dupla honra para aqueles que o seguem. Como príncipe da paz, tem todas as condições de nos fazer homens de paz. Temos visto muitas instituições, se esforçando ao máximo para promover a paz. Com todas as dificuldades a organização das nações unidas, tenta minimizar os conflitos entre as nações, grupos não governamentais, também tentam fazer a sua parte. Todavia, tudo isto faz parte, e merece o nosso respeito e apoio. Contudo, precisamos entender que só teremos paz verdadeira, a partir do momento, que os homens entenderem que a presença de Jesus em nossos corações, é a única saída para por fim aos conflitos internos e externos.

Pobre daquele que pensa que sem a transformação de nossa velha natureza, em uma natureza divina, alcançada através do novo nascimento concedido por Cristo, conseguiremos alcançar paz. A paz com nossos semelhantes só se torna possível, quando a possuímos em nossos corações. Doutra forma, continuaremos vendo o triste quadro atual. Como pode haver paz, quando na verdade as desigualdades são latentes? Enquanto muita pessoa neste momento não tem se quer a alimentação básica para este dia, sabemos que montantes incalculáveis de reais, descansam em algumas contas em alguns paraísos fiscais, muitas vezes fruto da própria corrupção. Como conseguir a paz, sabendo que o homem sem Deus no coração, é movido apenas pelos seus próprios interesses? Todos nós sabemos que uma pessoa, uma família ou mesmo uma nação sem Deus, é capaz de destruir outra por inveja, orgulho e ganância, sobre aquilo que não lhe trará o verdadeiro conforto. Mas em contraste a tudo isto, Deus se manifesta à humanidade e doa gratuitamente a seu Filho, o Único que pode nos proporcionar condições de vivermos em paz, conosco mesmo e com os nossos semelhantes. Está escrito em João 3.16 “Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. Percebam que Ele deu o que tinha de melhor. Seu Único Filho. É por esta razão, que cada um de nós devemos nos empenhar para termos a Jesus, como o único Senhor e Salvador de nossas vidas, e hoje estamos tendo a oportunidade de reconhecermos que nada somos sem a augusta presença do simples carpinteiro de Nazaré.

Posto isto, devo dizer que a paz do Senhor, a paz de Deus, paz, graça e paz, são inúmeras formas de saudação entre o povo de Deus, porém, o mais importante, é que tenhamos a real noção do que estamos falando. É impossível doarmos aquilo que não possuímos. Então, se queremos promover a paz, deixemos primeiro que ela nasça em nossos corações, e partir daí, poderemos ser de fato embaixadores de Cristo, cujo lema principal, é promover a paz entre os homens. Concluindo, precisamos lutar para cumprir a orientação do apóstolo São Paulo em Romanos 12.18: “Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens”. Saibam todos, que a paz de Jesus é diferente, é verdadeira, e contagiante. Então, se queremos paz, vamos buscá-la nos moldes de Cristo e nunca no modelo do Mundo.

Que haja paz entre os homens.

Últimas Fotos


ÚLTIMAS FOTOS

14ª EBO - Franca

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

INAUGURAÇÃO AD JD. LUIZA II

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 26/08/2018

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 26/08/2018

Veja Mais